Igreja de São Lourenço

Foi erguida no século XVI no ano de 1555. Está localizada no distrito de Tejucupapo, município de Goiana, Pernambuco. A Igreja é uma das mais antigas de Pernambuco, apesar do estado de conservação, guarda intactas suas principais características originais, destacando-se pela simplicidade e austeridade de suas linhas construtivas.

É uma relíquia do período colonial conservando em sua estrutura linhas retas e sóbrios vestígios da arquitetura quinhentista. Com um estilo maneirista (trazido pela primeira vez ao Brasil pelo arquiteto Francisco Dias) é edificada em planta retangular.

Sua fachada é composta por uma porta renascentista, duas janelas na altura do coro, um nicho central e duas aberturas no campanário com um sino em cada uma. Sua torre sineira é assentada sobre esteios de madeira, repetindo-se a norma de arco em cruz-latina. Possui também uma pia batismal em pedra. Ou seja, a igreja apresenta as características próprias da arquitetura Jesuítica nos costumes da época.

É patrimônio histórico nacional pelo IPHAN desde 1938 e foi tombada pelo Patrimônio Histórico de Pernambuco em 1994. A razão do tombamento está em ser a Igreja de são Lourenço o mais antigo templo erguido pelos jesuítas no Brasil. Atualmente, as missas estão acontecendo aos domingos, às 18h.


Sem chaminé, sem meia na janela, sem árvore de natal. Acredita que talvez por isto, acordou sem presentes, que foi em vão esperar pra ver o homem de roupa vermelha chegar de trenó. Vai à praça. Vê os meninos jogarem bola, olha para Igreje e faz a sua prece. Não do jeito dos adultos, falando sempre as mesmas palavras. Pede um sinal e escuta o tilintar de um sino. Era outro homem, de percatas, gibão, sotaque forte, em cima de uma carroça carregada de presentes puxada por um jumento. Durou apenas um sorriso para ter sua fé novamente restaurada.